Versículo

Os que querem ser ricos caem em tentação

Dinheiro
André
Escrito por André

“Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína. Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.” (1 Timóteo 6:9,10)

Um dos princípios bíblicos mais importantes em relação ao dinheiro é o de que ele não pode nos dominar. Todas as pessoas que amam ao dinheiro acabam caindo em tentação e se desviando da fé.

O dinheiro deve servir apenas para nossas necessidades mais básicas e ajudar ao nosso próximo. Obviamente é muito difícil conseguirmos viver assim pois o conceito de “necessidade básica” varia de pessoa para pessoa. É aí que entra o tal do amor ao dinheiro.

Para alguns as necessidades básicas são alimento e moradia. Para outros isso envolve uma viagem ou outra, um pequeno lazer e um presente no aniversário. Ainda existem pessoas que colocam dentro das necessidades básicas um bom celular, um carro novo, uma ajudante para a casa e lazer todos os finais de semana.

Não podemos julgar o que é amor ao dinheiro para as outras pessoas, mas podemos avaliar nossas próprias vidas. Será que temos usado o dinheiro da maneira correta ou temos vivido em função dele. Qual seria a nossa resposta se Jesus nos fizesse a mesma pergunta que fez para o jovem rico?

Não posso criar nenhuma regra, mas a minha maneira de controlar a minha ganância é ofertar constantemente e separar o meu dízimo antes de mais nada.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Adicionar comentário

Deixe um comentário