Versículo

Misericórdia e ingratidão

Versículos sobre comunhão com Deus
André
Escrito por André

“Todavia, eu destruí diante deles o amorreu, cuja altura era como a dos cedros, e que era forte como os carvalhos; e destruí o seu fruto por cima e as suas raízes por baixo.” (Amós 2:9)

Qual é a maior dor que alguém pode sentir? Quase sempre é a atual. Não importa o que aconteceu no passado, normalmente a maior dor que sentimos é a que estamos passando no momento.

Se você acha que isso não é verdade, basta analisar a história do povo de Israel: eram escravos no Egito, servos de um faraó tirano, que lhes impunha cargas de trabalho absurdas e um tratamento sub humano.

Então Deus liberta o povo através de muitos milagres e de seu servo Moisés. Porém, qualquer problema que passavam no deserto era motivo para que eles reclamassem. Ora, eram escravos antes e, a falta de carne do agora, no meio de tantos milagres, era um problema?

Mas este não é o único exemplo. Será que na sua vida, assim como na minha, isso não aconteceu antes?

Muitos já sofreram, choraram e oraram por um longo tempo por não ter uma pessoa para chamar de esposo ou esposa. Então Deus prepara todas as coisas e o casamento finalmente acontece.

Após poucos anos, encontramos as mesmas duas pessoas reclamando do cônjuge, se separando ou traindo.

Percebe como a dor atual é sempre a maior dor do ser humano?

Agora, pare para analisar como isso é injusto com um Deus que tudo nos dá. Ele nos resgatou, deu em sacrifício o Seu único filho, trabalhou duro para ganhar nosso coração endurecido, nos limpou e nos enxertou em seu reino; Ele nos protegeu, cuidou de nós, nos deu provisão e fez muito mais do que podemos imaginar.

Então nós reclamamos do horário do culto, do irmão que fez uma coisa ou outra, do banco da igreja, dos pedidos de ofertas, das ações sociais (ou falta delas), entre outros. Nós pecamos, rejeitamos a voz de Deus e fugimos de Sua presença. Nós não respeitamos o Espírito Santo, nem temos reverência pela Palavra.

É muita reclamação para quem recebeu tanto.

Meu apelo de hoje é que você reflita sobre isso, pense seriamente no quanto têm sido ingrato com Deus e reveja suas atitudes.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário