Versículo

Deus é luz e nele não há trevas

Versículos de cura
André
Escrito por André

“Ora, a mensagem que, da parte dele, temos ouvido e vos anunciamos é esta: que Deus é luz, e não há nele treva nenhuma.” (1 João 1:5)

Nosso Deus é santo. É necessário que entendamos isso em profundidade e com muito temor.

Isso implica que nEle não há nada que venha das trevas, não há nenhum traço de pecado ou de erro. Ele não tem nenhuma relação com a mentira, seus intentos são sempre bons e perfeitos. Ele nunca pecou nunca vai pecar.

A santidade, por definição, implica algo completamente livre de pecado. Assim é Deus.

Se Deus alguma vez, uma única vez, por descuido, tivesse pecado, não seria santo. Toda a santidade dEle seria desfeita por um único pecado. Uma pequena mancha lhe removeria a qualidade.

Agora pense em sua vida: quantos pecados você cometeu? A sua ficha está limpa ou está manchada pela mentira? Um único pecado seu e você é totalmente corrompido, totalmente inadequado para o Reino. Você é completamente corrupto diante da santidade perfeita e impecável de Deus.

Isso significa que você não é digno da misericórdia de Deus. Você, assim como eu, é um pecador convicto, que merece um julgamento tão duro quanto a discrepância entre a santidade de Deus e nosso pecados.

O seu pecado é totalmente oposto à santidade. Estas duas realidades jamais poderão se misturar. Além de não se misturarem, elas se mantém distantes. O seu pecado, a imperfeição que se encontra em você, não lhe permite nem ao menos aproximar-se da santidade divina.

Porém Deus, além de santo, é misericordioso. Pela Sua graça nós, que nada merecemos, fomos perdoados, fomos feitos justos diante de Deus. A Cruz nos salvou do julgamento que merecíamos e nos fez dignos de assentarmos à mesa do Rei.

Foi a graça, a infinita é indescritível graça, que nos resgatou, nos limpou e nos preparou para chegarmos ao Pai.

Meu pedido é que hoje você reflita sobre o quão inadequado nós somos para o Reino e o quão profunda é a graça, que nos permite sermos feitos filhos de Deus.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

2 Comentários

  • É impressionante a misericórdia de Deus conosco através do sangue do seu filho… Imagino nós no lugar de Deus: acho que eu não aguentaria nem cinco horas vendo tanta gente pecar, e eu já perderia a paciência… Mas o amor dEle é tão grande que ele ainda espera de nós a comunião que Adão e Eva tinha com Ele… E eu vi em alguma carta de Paulo que por uma pessoa (Adão) nós estávamos afogados no pecado mas também por só uma pessoa (Jesus Cristo) somos agora capazes de estar próximos de Deus pela graça dele…

    Paz.

Deixe um comentário