Versículo

De acordo com Deus

Versículos sobre intimidade com Deus
Escrito por André

“Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo?” (Amós 3:3)

Enquanto Deus reprova Israel por seus feitos, o Pai os lembra de que eles são os escolhidos para serem a nação do Senhor. Porém, logo depois fala o que encontramos no versículo de hoje, ensinando-nos que se dois não estiverem de acordo, dificilmente poderão andar juntos.

Neste momento da história, Deus não está falando sobre dois amigos, mas sim do nosso relacionamento com Ele. Ou seja, é possível andarmos com Deus se não estivermos em acordo? Certamente não.

Mas para entendermos verdadeiramente isso, precisamos refletir sobre qual ou quais são os acordos que estabelecemos com Deus:

Ele é o criador, nós somos as criaturas

Apenas esse aspecto do acordo poderia tornar-se numa vida toda de reflexões profundas sobre o nosso papel nesse relacionamento. Quando entendemos que somos criaturas e não criadores, nos colocamos numa posição de submissão, admiração e amor.

Ele é o Pai, nós somos os filhos

Como Pai, Ele nos ama, cuida de nós, mas também nos corrige e nos ensina. Quando imaginamos que já sabemos de tudo, acreditando que podemos tomar nossas próprias decisões, estamos quebrando o acordo.

Ele é o Rei, nós somos os servos

Como Rei, ele tem autoridade não apenas sobre nós, mas sobre tudo com o que nos relacionamos aqui. O reino é dEle, não nosso. Seguimos seus mandamentos, seus estatutos e direções. Consideramos nosso Rei como a suprema autoridade de nossas vidas, a quem devemos obediência, reverência e serviço.

Ele é o Salvador, nós somos os caídos

Sendo nós os caídos, temos que entender que precisamos dEle, que dependemos dEle para nos mostrar o caminho, para nos guiar e conduzir durante a estadia na Terra. Se imaginamos que não dependemos do Salvador para a jornada, certamente chegaremos a um lugar diferente do que planejamos.

Ele é o Juiz, nós somos os réus

No papel de juiz, temos que entender que Ele sabe quem somos, conhece nossos erros e nossos acertos. Não podemos ignorar o fato de que o Seu julgamento é justo e precisamos de um bom advogado. Isso nos conduz a um caminho de santidade e temor.

Ainda existem outros aspectos que poderíamos abordar aqui sobre o acordo que temos que ter com Deus, mas acredito que esses já sejam o suficiente para refletirmos sobre o assunto.

Quando ignoramos um desses aspectos, não temos um acordo com Ele, não podemos andar com Ele.

Dentre os pontos que citei, para quais você precisa de mais revelação? Busque esse entendimento na Palavra e em oração.

Paz.

 

Sobre o autor

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário