Versículo

A oração sincera

Um toque de Deus
André
Escrito por André

“Pois já se elevam acima de minha cabeça as minhas iniqüidades; como fardos pesados, excedem as minhas forças.” (Salmos 38:4)

Existem duas formas de nos achegarmos a Deus: podemos fingir que somos pessoas corretas e, com palavras belas e decoradas, fazer orações que impressionam. Podemos também admitir a multidão de falhas que ainda temos e, com sinceridade, nos colocarmos diante de Deus.

Não estou falando isso para você sair julgando a oração dos outros, muito pelo contrário, mas para que você possa, à luz da Palavra, achegar-se a Deus de uma maneira mais íntima.

Vejamos este salmo de Davi, por exemplo: em meio às lutas e problemas com Saul, ele admite suas falhas e pede ajuda para Deus, sabendo que tudo o que ele precisa vai encontrar no Pai.

Davi não falou sobre sua grandeza, sobre a maneira como realizou feitos admiráveis e nem lembrou a Deus de que ele havia sido chamado. Davi apenas se colocou como um humilde servo.

Deus conhece tudo o que você faz, cada pensamento, cada atitude. Se você, assim como eu, ainda tem áreas para corrigir, ore e se renda ao Senhor. Faça isso admitindo estas falhas, clamando para que Deus o perdoe, para que Ele não retire o Espírito Santo de você.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário