Ministração

Fomos chamados

André
Escrito por André

Texto base: “Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para apóstolo, separado para o evangelho de Deus. O qual antes prometeu pelos seus profetas nas santas escrituras, acerca de seu Filho, que nasceu da descendência de Davi segundo a carne, declarado Filho de Deus em poder, segundo o Espírito de santificação, pela ressurreição dentre os mortos, Jesus Cristo, nosso Senhor, Pelo qual recebemos a graça e o apostolado, para a obediência da fé entre todas as gentes pelo seu nome, entre as quais sois também vós chamados para serdes de Jesus Cristo. A todos os que estais em Roma, amados de Deus, chamados santos: Graça e paz de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo.” (Romanos 1:1-7)

Mensagem principal: Fomos chamados pelo nosso Senhor para um envio. Precisamos obedecer.

Para você refletir

Neste início de texto da carta de Paulo aos Romanos, temos diversos aprendizados muito importantes. Podemos nos focar na maneira como Paulo se refere a ele mesmo, na explicação que ele dá sobre o que é o evangelho ou em muitas outras coisas. Hoje, quero focar em algumas palavras específicas que ele utilizou nesse prefácio.

A primeira delas é que ele se refere a ele mesmo como uma pessoa “chamada” para ser apóstolo. Aqui ele, utilizando a palavra no singular, está claramente referindo-se a ele mesmo. O que entendemos é que Paulo foi chamado, não foi uma escolha dele.

Se nos lembrarmos da história de Paulo, confirmamos isso: ele caçava os cristãos para matá-los, até que Jesus fala com ele, explicando que seria usado para levar a verdade do evangelho de Cristo para os gentios. Paulo foi chamado.

Um pouco mais para frente, ele para de falar sobre ele mesmo, utilizando o singular, e passar a falar no plural. Vemos isso acontecendo no verso 4 quando ele diz: “nosso Senhor”. Desta forma, ele indica que, o que está falando daquele ponto em diante, refere-se a todos os leitores daquela carta. Por isso, quando afirma “nosso Senhor”, está afirmando que todos nós pertencemos (kuros), somos propriedades de Deus e que, é através dEle, que recebemos a graça e o apostolado (apostole), o envio para levar a Sua palavra.

Se recebemos do nosso Senhor esse envio, é para a “obediência da fé”, ou seja, apenas obedecemos ao envio que Ele nos preparou. Como servos, na posição a qual Paulo nos mostra estarmos, não discutimos, simplesmente nos submetemos e seguimos com o chamado.

Quando o apóstolo diz “entre todas as gentes” e “entre as quais fostes chamados para serdes de Jesus Cristo”, nos mostra que devemos exercer esse chamado em qualquer lugar que estivermos, onde Ele nos mandar.

Em resumo, nestes primeiros versos da carta de Paulo aos Romanos, certamente conseguimos aprender muita coisa. Dentre elas, que todos nós temos um chamado e precisamos exercê-lo onde quer que estejamos.

Tópicos para abordar

  1. Texto base
  2. Paulo foi chamado (singular)
  3. Nós fomos chamados (plural)
  4. Obediência da fé
  5. Entre todas as pessoas
  6. Apelo
  7. Compartilhamento com perguntas

Perguntas para compartilhar

  • O que você precisa mudar em sua vida para obedecer esse chamado de maneira integral?
  • O que tem te atrapalhado de viver isso?

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário