Mensagem

Masturbação é pecado?

Tenho que confessar meus pecados
André
Escrito por André

De maneira bem resumida: é óbvio que masturbação é pecado! E pare de dar desculpas tentando achar uma justificativa para este vício.

Mas é importante que você entenda a questão com um pouco mais de profundidade.

Antes de mais nada precisamos entender que o sexo foi guardado para o casamento, só para o casamento. Por mais que o mundo pregue que é saudável, que faz bem, Deus nos deu uma instrução, e devemos segui-la.

“​Quanto ao que me escrevestes, é bom que o homem não toque em mulher; mas, por causa da impureza, cada um tenha a sua própria esposa, e cada uma, o seu próprio marido.” (1 Coríntios 7:1-2)

Entendendo que o sexo deve ser guardado para o casamento, precisamos entender a relação da masturbação com isso tudo.

A masturbação é uma forma solitária de sexo, de perversão daquilo que foi criado por Deus para ser feito por duas pessoas casadas.

Vale lembrar que a Bíblia cita, diversas vezes, pecados relacionados à impureza sexual:

“Fugi da impureza. Qualquer outro pecado que uma pessoa cometer é fora do corpo; mas aquele que pratica a imoralidade peca contra o próprio corpo. Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo.” (1 Coríntios 6:18-20)

Agora que entendemos que qualquer forma de satisfação sexual fora do padrão criado por Deus é pecado, é imprescindível que você entenda que a sua mente vai trabalhar de maneira muito forte para justificar o vício.

Vão surgir uma série sem fim de desculpas para que você se sinta “livre” para cair no vício. Você vai teorizar, vai tentar utilizar outros versos da Bíblia, vai tentar fingir que não é pecado, vai acreditar que é o melhor para você, mas tudo isso é apenas uma forma de ceder ao vício.

Se você não é casado e está com os hormônios gritando por prazer, mude o seu foco. Ore, jejue, estude a Palavra, ouça louvores, envolva-se com a igreja. Quanto mais atenção você dá para o seu vício, mais suscetível fica.

Se você acha que deve e está no tempo correto, case-se:

“E aos solteiros e viúvos digo que lhes seria bom se permanecessem no estado em que também eu vivo. Caso, porém, não se dominem, que se casem; porque é melhor casar do que viver abrasado.” (1 Coríntios 7:8-9)

Se você é casado e ainda permanece no vício, lembre-se que a perversão permanece, e é ainda mais tola, uma vez que você pode desfrutar do sexo seu cônjuge, como planejado por Deus, mas prefere por fazer isso sozinho.

Mais uma vez, é importante lembrar que sua mente irá criar uma lista sem fim de desculpas que justifiquem o ato, mas isso é apenas um sintoma do vício.

“O marido conceda à esposa o que lhe é devido, e também, semelhantemente, a esposa, ao seu marido. A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, e sim o marido; e também, semelhantemente, o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, e sim a mulher. Não vos priveis um ao outro, salvo talvez por mútuo consentimento, por algum tempo, para vos dedicardes à oração e, novamente, vos ajuntardes, para que Satanás não vos tente por causa da incontinência. E isto vos digo como concessão e não por mandamento.” (1 Coríntios 7:3-6)

Você pode até achar pesado eu dizer que a masturbação é um vício, mas esta é a verdade. E, como com qualquer vício, você precisa de cura e de uma estratégia para evitar a queda.

A cura vem através da verdade, do entendimento de que isso é pecado. A estratégia é individual. Você deve analisar os momentos de fraqueza e fugir deles. Evite situações ou cenários onde você se enfraquece e fica mais suscetível ao seu vício. Vá ouvir um louvor, saia de casa, encontre-se com familiares, tudo para evitar o vício que é pecado e, sendo assim, te afasta de Deus e traz morte.

Em Cristo é possível vencer todo o vício. Ele levou sobre si nossos pecados e nos livrou do poder que era exercido sobre nós. Hoje somos livres, não tente viver novamente como escravo de nenhum vício.

Paz.

Texto de pesquisa utilizados: masturbação é pecado, masturbação pecado, é pecado se masturbar, masturbar é pecado, cristão pode se masturbar

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário

Quer saber antes de todo mundo o que acontece no JC na Veia?
Assine nossa newsletter
Essa é uma lista exclusiva, poucas pessoas permanecem nela e oferecemos o melhor para nossos assinantes, conteúdo exclusivo e novidades em primeira mão.
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.
close-link