Versículo

Todos são pecadores

André
Escrito por André

“Ora, sabemos que tudo o que a lei diz, aos que vivem na lei o diz para que se cale toda boca, e todo o mundo seja culpável perante Deus,” (Romanos 3:19)

A lei existiu para exaltar a necessidade de Cristo, mostrando a todos os homens que nenhum de nós poderia segui-la plenamente.

Muitos ainda acreditam que uma certa forma de “lei” fará a compensação de suas atitudes erradas e permitirá que eles tenham uma boa vida após a morte. Este pensamento é muito difundido entre espíritas e pessoas que não tem uma religião definida.

Eles acreditam que algumas boas obras compensam possíveis atitudes erradas que tenham cometido. É por isso que vemos tantos espíritas fazendo belas obras sociais.

Da mesma forma, porém com outras características, alguns católicos acreditam que uma penitência pelos seus pecados poderá perdoá-los. Este procedimento não tem respaldo bíblico.

Ainda existem cristãos que acreditam que ofertas e obras dentro de suas congregações os ajudarão a ter alguma facilidade na redenção. Ledo engano.

Para que sejamos aceitos perante Deus, livres de qualquer culpa, precisamos única e exclusivamente de Cristo. Ele é nossa salvação, nosso advogado, quem nos perdoa e nos ensina.

As obras devem ser uma consequência de nossa fé, a prova de que temos uma fé viva e não o motivo ou parte de nossa redenção.

Sem Cristo somos todos culpáveis: cristãos evangélicos, católicos, ateus e espíritas. Andando verdadeira e profundamente com Cristo, somos aceitos.

Este é o grande desafio, andar com Cristo de maneira verdadeira. Por isso aqui fica a minha pergunta: em quais áreas da sua vida você está confiando mais em suas obras e menos em Cristo? Você tem andado profundamente com Ele?

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

4 Comentários

  • Graça e a Paz de nosso Senhor Jesus, amémmm!

    Sabemos que somos oque somos pela Graça de Deus, o amor imerecido “Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas?” (Rm 8:32). Somos salvos também pela Graça “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus…” (Ef 2:8). Muitos principalmente nós cristão temos IMENSAS dificuldades em relação LEI x GRAÇA, como você descreveu muito bem acima, que a lei foi dada para que o homem percebesse que nos somos incapazes de cumpri-la, por isso se manifestou o filho de Deus, “Aquele que não conheceu pecado, Deus o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus” (2Cor 5:21).

    Hoje nos temos tudo em Cristo, porque Ele já fez tudo por nós. Por fé, apenas confiar e pedir ao Pai, só que muitas vezes queremos fazer para receber, isso é viver na lei, fazer para ser abençoado. Agora que estamos vivendo a nova aliança, Cristo já fez tudo, o sacrifício foi agradável e aceito por Deus, NADA QUE EU FAÇA A MAIS ou QUE EU DEIXE DE FAZER vai mudar o amor de Deus por mim! Porque agora é assim, Cristo JÁ FEZ TUDO POR MIM, já sou mais que abençoado. Crer na graça (favor imerecido) recebendo tudo que já foi conquistado por Cristo na cruz, e viver sem acusação da lei (o homem não consegue cumpri-la na integra). Um dos problemas dos gálatas e eles foram exortados pelo apostolo Paulo, estavam fazendo uma mistura da Graça com a lei.

    Concluindo, a salvação e a justificação não dependem de nossas obras. E sim da Graça de Deus! Eu tenho orado para ter mais revelação e entendimento dessa abundante Graça..!

    Deus os abençoe tremendamente.

    André, muito obrigado pelo espaço.

    Obs.: Estas conclusões são de entendimento do meu ponto de vista.

    • Olá Jason, obrigado pelo seu rico comentário.

      Realmente precisamos ter cada dia mais entendimento da graça, desta manifestação profunda do amor de Deus por nós.

      É interessante pensar que não precisamos fazer nada para que Deus nos ame e que nada do que façamos pode mudar o amor dEle por nós, mas que, ao mesmo tempo, o fato dELe nos amar nos leva a fazer algumas obras.

      Deus abençoe sua vida.

      Paz.

  • A Graça e a Paz André,

    Sim, sim… Penso como você! Mesmo que já temos tudo em Cristo, esse amor imerecido “Graça” nos impulsiona sempre a cumprir o Ide, “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo, Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado, Mt 20:19,20a”.

    Por isso somos sempre motivado por fé a realizar a obra de Deus..!

    Grande abraço.

    Deus abençoe

    • Olá Jason, obrigado por mais esta participação aqui no blog. É muito importante receber comentários dos leitores, ainda mais quando são comentários construtivos como o seu.

      Deus abençoe sua vida.

Deixe um comentário