Versículo

Preciso ir para a igreja?

André
Escrito por André

“Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros do corpo, embora muitos, formam um só corpo, assim também é Cristo. Pois em um só Espírito fomos todos nós batizados em um só corpo, quer judeus, quer gregos, quer escravos quer livres; e a todos nós foi dado beber de um só Espírito.” (I Coríntios 12:12,13)

Somos a grande família de Deus na Terra. Devemos entender que somos irmãos e o que significa isso.

Muitas pessoas, hoje em dia, erram acreditando que não precisam ter comunhão com os irmãos, isolando-se e não frequentando ativamente nenhuma igreja.

Através da comunhão com o corpo de Cristo, que temos na congregação, recebemos palavra, instrução, somos conhecidos, exortados e aprendemos com os outros. Quando nos isolamos, nos tornamos uma presa mais fácil para o inimigo, da mesma maneira que uma ovelha longe do rebanho, sozinha, é mais frágil.

Esta família é perfeita? Certamente não, mas nós também não somos. Logo, a desculpa que muitos utilizam para viverem isolados, a de que a igreja não é perfeita, apesar de ser verdade, não é um argumento válido. Quando acharmos a igreja perfeita, ela deixará de ser perfeita no momento em que entrarmos lá, pois nós somos cheios de falhas.

Integre-se ao corpo em sinceridade e com o coração aberto.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

4 Comentários

  • André, graça e paz!Igreja somos nós.É bom ter comunhão uns com os outros irmãos!Porém, numa instituição religiosa, não existe a comunhão revelada na igreja primitiva!As pessoas só querem saber de si mesma, e seus problemas!cumprimentam se “nesses lugares”, mas estão longe de entenderem qual é a vontade de Deus para conosco!Darei um exemplo:Se nos cultos religiosos, quem estivesse na frente, dissesse aos membros da instituição, para , ao invés de dar 10% do salário para “eles”, procurassem pessoas na congregação que estivessem com dificuldades financeiras, ou com prestações atrasadas, ou algo parecido, e assim fisessem doações à esses necessitados, com certeza, aumentaria o amor nos corações…Existiria algo à mais em cada irmão….Mas, não se engane!Isso “nunca vai acontecer!Porque a direção desses cultos, estão nas mãos daqueles que querem viver do salário da instituição!Faço uma pergunta à voce…”eles” são servos ou “empregados” de Jesus?

    • Roberto, ótimo exemplo que você deu, já fizemos algas vezes isso na igreja onde congrego. Lá nos ajudamos uns aos outros em todas as necessidades.

      Sei que esta não é a realidade de todas as igrejas, mas generalizar, como você fez, talvez não seja a coisa mais correta.

      Obrigado pelo comentário e Deus abençoe.

      • Você continua muito bem nas suas colocações Andrezão! Você é um grande cara.

        Precisamos estar inseridos neste corpo, não há NENHUM argumento válido para nos isentarmos disso. Julgar, apontar, culpar, assistir o erro do homem na verdade é só mais um motivo para fazermos parte, o chamado de Cristo é o Amor… o pasto errou, reza, o padre errou reza, o servo que esta a frente errou, reza… reza e corrigi mas não se afaste do corpo por causa dos homens pois você não esta lá por eles. ;)

        Paz!

Deixe um comentário