Versículo

O perigo da incredulidade

“não endureçais o vosso coração como foi na provocação, no dia da tentação no deserto” (Hebreus 3:8)

Os judeus sempre foram fiéis a Moisés e à lei que, por Deus, lhe foi entregue. Moisés sempre foi admirado e seguido por eles. A proposta de Cristo, cumprindo a lei e propondo algo novo, era muito difícil de ser aceito.

O escritor da carta aos Hebreus, com sabedoria ímpar, percebe que alguns judeus retornavam de sua fé em Cristo para a lei de Moisés e lhes ensina de uma maneira que ela não poderiam ficar indiferentes.

O exemplo utilizado para explicar o erro de abandonar a fé em Jesus foi o do povo ao sair do Egito, que diversas vezes não confiou em Deus e acabou sofrendo com Sua ira.

A comparação feita foi a de que, ao abandonar a fé em Cristo, fazemos mal tal como o feito pelos Israelitas no deserto, duvidando do poder de Deus.

Precisamos confiar em Deus, não em outras coisas. Não em nossa força, em nosso emprego, nosso dinheiro ou nossa experiência. Não podemos abandonar nossa fé em Cristo para retornar para qualquer outro caminho.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário