Versículo

Especial Dia das Mães – Bárbara Cunha

Bárbara Cunha
Escrito por Bárbara Cunha

Logo que surgiu a ideia de escolher um versículo que lembrasse minha mãe, pensei em milhares que se encaixariam. Uns com recordações engraçadas e outros sobre correção. Estava bem indecisa, mas certo dia, ao entrar na cozinha, surgiu a inspiração.

A dona Cleusa (minha mãe) sempre teve o hábito de ouvir rádios cristãs, mesmo antes de se converter. Ela presta bastante atenção ao que falam, participa e, principalmente, ora. E como ora!

É incrível. Independente da circunstância, ela sempre coloca a oração acima de tudo com a frase “ore a Deus”. Pode ser um pedido, um auxílio, um consolo, um agradecimento. Não importa. Seja o motivo que for, ela começa ou termina falando com Deus.

Confesso que demorei um bom tempo para entender essa postura. Em algumas situações, até me questionava se realmente era necessário parar tudo o que estava fazendo para orar. Eu não compreendia a profundidade do que ela fazia.

“Orai sem cessar.” (1 Tessalonicenses 5:17)

Até que um dia, ao ler este versículo de 1 Tessalonicenses, o Espírito Santo me mostrou que essa atitude demonstrava o quanto ela o ama, confia e investe no relacionamento com Ele. Ela o reconhece e o trata como melhor amigo. Sempre que algo novo (bom ou ruim) acontece, ela corre para contar-Lhe.

Hoje entendo o que isso representa. Agora sou eu que me esforço para ter um relacionamento tão íntimo com o Pai. Sou eu que corro para Ele.

Essa Cleusinha me ensina em várias áreas e sou muito grata a ela por isso!

Valeu, mãe!

Sobre o autor

Bárbara Cunha

Bárbara Cunha

Paulista de 20 e alguns anos. Cristã convicta. Jornalista. Corintiana torcedora do Arsenal da Inglaterra. Apaixonada por filmes, séries e música.

Deixe um comentário