Versículo

Comparar-se com outras pessoas é bom?

Mulher se vendo no espelho
André
Escrito por André

“Então, chegaram ao pé dele os discípulos de João, dizendo: Por que jejuamos nós e os fariseus muitas vezes, e os teus discípulos não jejuam?” (Mateus 9:14)

Essa não foi a primeira e nem a última vez que os discípulos de João se compararam com os de Cristo, desta vez eles indagavam sobre a prática do Jejum.

Sem querer me aprofundar muito teologicamente na questão, quero trazer um questionamento que nos leve a um princípio básico da Palavra de Deus.

Por qual motivo nos comparamos tanto com outras pessoas?

Numa época onde não existia facebook, youtube e instagram, as pessoas já costumavam se comparar umas com as outras. Hoje em dia, isso foi potencializado de uma maneira inexplicável. Logo, o primeiro motivo pelo qual nos comparamos é muito simples: existem muitas fontes possíveis de comparação disponíveis hoje em dia. Por mais que elas sejam extremamente injustas, elas estão aí.

O segundo motivo pelo qual nos comparamos pode ser para que cresçamos. Esse pode ter sido o caso dos discípulos de João, eles poderiam comparar-se aos de Cristo para aprender, para entender se não estavam fazendo nada de errado. É o caso do novo convertido que compara seu conhecimento com o do pastor. Muitas vezes isso pode ser positivo.

Existem ainda muitos outros motivos pelos quais podemos nos comparar: inveja, orgulho, soberba, depressão, entre outros.

Mas a grande questão em relação a isso é o princípio bíblico: Deus ama a todos, indiscriminadamente e de uma maneira tão profunda que não podemos entender. Ele não ama uma pessoa pelo o que ela é, o que ela tem ou o que ela faz. Ele simplesmente ama.

Por isso, se você tem se comparado com outras pessoas e isso tem produzido um sentimento negativo, é melhor lembrar-se que Deus te ama como você é. Se você tem se comparado com outras pessoas para que você aprenda e cresça, ótimo, isso tem te ajudado.

Paz.

P.S.: Sei que não foi o post mais profundo, teologicamente falando, daqui do blog, mas foi algo no qual eu estava pensando.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário