O chamado de Deus

Amazias e eu

“Então, Amazias disse a Amós: Vai-te, ó vidente, foge para a terra de Judá, e ali come o teu pão, e ali profetiza; mas em Betel, daqui por diante, já não profetizarás, porque é o santuário do rei e o templo do reino.” (Amós 7:12-13)

Quando Amazias pede para Amós não profetizar, nos parece que ele esqueceu do que o profeta acabara de falar, no capítulo 2, versos 12 e 13: “Mas vós aos nazireus destes a beber vinho e aos profetas ordenastes, dizendo: Não profetizeis. Eis que farei oscilar a terra debaixo de vós, como oscila um carro carregado de feixes.”.

Foi justamente esse um dos motivos pelos quais Deus estava condenando o povo de Israel. Mas eles resolvem insistir no erro.

Será que nós não temos agido como Amazias algumas vezes? Sabemos de coisas que não devemos fazer, erros nos quais já caímos anteriormente e, mesmo assim, voltamos para estes caminhos tortuosos.

Assim como Amazias se entregou ao erro que já conhecia, também nós fazemos diversas e diversas vezes.

Mas a liberdade que Cristo conquistou na cruz deve nos fazer mudar de direção. Não podemos continuar andando no mesmo caminho, nos mesmos erros. Somos uma nova criatura e não estamos mais presos aos pecados.

Viva está liberdade.

Paz.

2 comentários em “Amazias e eu”

  1. A Graça e Paz André,

    Esse texto abaixo se encaixa muito bem nesse estudo..!

    Romanos 8:14,18
    Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça. E, libertados do pecado, fostes feitos servos da justiça.

    Precisamos orar e pedir revelação dessas verdades, muitos de nós não vencemos os pecados de “estimação” devido viverem na velha aliança (a lei), porem em Cristo TODOS os nossos pecados já foram perdoados, basta reconhecer, se arrepender, condessar e receber o perdão. hoje estamos debaixo da Graça (nova aliança no sangue de Cristo), sendo assim o pecado NÃO tem domínio sobre nós.

    O engano de muitos dos cristão é acharem que a Graça e autorização para pecar… ao contrário, quanto mais revelação temos da Graça, mais constrangidos ficamos com o pecado. Por isso podemos declarar que o pecado não terá domínio sobre nós, pois não estamos debaixo da Lei (velha aliança), mas debaixo da Graça (nova aliança), por isso somos LIVRES.

    Concluo dizendo que precisamos ter mais intimidade com o Espírito e clamar a Ele por sabedoria e revelação da Palavra que é imutável, a mesma de ontem, hoje, amanhã e eternamente..!

    Deus abençoe André.
    Obrigado por poder compartilhar as minhas conclusões.

    Abraço

    Responder
    • Olá Jason, obrigado por este elaborado comentário.

      Por favor continue participando do blog com seus comentários e sugestões.

      Deus abençoe sua vida.

      Responder

Deixe um comentário