Versículo

A minha comida é fazer a vontade de meu Pai

Homem sentado na floresta com a bíblia
André
Escrito por André

“Jesus disse-lhes: A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e realizar a sua obra. Não dizeis vós que ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Eis que eu vos digo: Levantai os vossos olhos, e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa. E o que ceifa recebe galardão, e ajunta fruto para a vida eterna; para que, assim o que semeia como o que ceifa, ambos se regozijem. Porque nisto é verdadeiro o ditado, que um é o que semeia, e outro o que ceifa. Eu vos enviei a ceifar onde vós não trabalhastes; outros trabalharam, e vós entrastes no seu trabalho.” (João 4:34-38)

O capítulo 4 do livro de João nos dá alguns ensinamentos muito importantes. Um deles acontece quando Cristo diz: “A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e realizar a sua obra”. Isso demonstra a importância que Ele dava para fazer a vontade de Deus, na verdade para Ele, é tudo o que importa.

No contexto dessa passagem os discípulos estavam preocupados com o alimento que sacia a nossa fome, e Jesus nos mostra que existe algo mais importante. Ele nos ensina que existe algo diante do qual tudo fica pequeno, que é realizar a obra que Deus nos deu.

Então, a questão sobre a qual devemos refletir é a seguinte: estamos fazendo a vontade do Pai ou estamos gastando nosso tempo em coisas vãs. Estamos realizando a obra que Ele nos deu ou estamos apenas no facebook, no youtube, na internet? Estamos nos perdendo em meio aos pecados ou estamos verdadeiramente trabalhando pelo Reino.

No final das contas, nada mais importa.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário