Mensagem

Fique de olhos bem abertos: Deus se revela em tudo

Considerando a natureza, surgiu-me a idéia de que Deus faz uso das maravilhas naturais para nos revelar não apenas o seu poder mas especialmente o seu amor. Sentir o calor do sol, a doçura de uma fruta, a textura suave de uma pétala ou escutar o canto de um pássaro, mais do que demonstrar o dispêndio de tempo, energia e inventividade do Criador, são evidências de que ele se importa com o nosso bem-estar e deseja que tenhamos prazer em viver.

A suma importância dada ao homem — certamente, o ápice da criação —, no entanto, está no fato de Deus partilhar com ele o seu amor por meio da pessoa de Jesus Cristo. A propósito da vinda do Mestre a este mundo, ela pode ser resumida no intuito do Pai de levar seus filhos a conhecer o seu amor em profundidade.

E Jesus não é apenas o mediador entre Deus e os homens, mas a própria “imagem do Deus invisível”, como afirmado no primeiro capítulo de Colossenses (v. 15), capaz de instaurar a paz entre o Criador e a criação, reconciliando com ele todas as coisas por meio do seu sangue (v. 20).

Por isso, da próxima vez que experimentar o contato com a natureza, atente para o amor de Deus que lhe está sendo demonstrado por meio dela, creia no nome do Senhor Jesus e harmonize-se com o Criador e o amor que ele tem para lhe dispensar.

Fique na paz.

Autor: Ap. Rina
Recebido após cadastro no site da igreja Bola de neve

Escrito ao som de: Oficina G3

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário