Destaque Mensagem

Pare de reclamar

Luis Felipe
Escrito por Luis Felipe

image“Lembramo-nos dos peixes que no Egito comíamos de graça, e dos pepinos, dos melões, dos porros, das cebolas e dos alhos. Mas agora a nossa alma se seca; coisa nenhuma há senão este maná diante dos nossos olhos. E era o maná como a semente do coentro, e a sua aparência como a aparência de bdélio. (Números 11:5-7)

No contexto desta passagem, o povo de Israel estava reclamando que quando eles estavam no Egito tinham o que queriam pra comer e a maioria das coisas eram de graça e havia fartura. Mas, enquanto estavam no deserto, o que tinham era maná (uma semente pequena).

Nós por muitas vezes reclamamos de várias coisas em nossas vidas, como de nossas autoridades naturais, comida, roupas, célula, líder, etc… As vezes até vem a nossa mente que quando estávamos sem Deus não tínhamos tanta preocupação ou então tínhamos várias coisas mas a perdemos. Irmão, se você perdeu algo, pode ter certeza que era isso que estava sendo o centro de sua vida e Deus, com o seu infinito amor tirou de você!

Deus sabe o que faz?! É claro! Mas sabia que quando reclamamos de algo é a mesma coisa que estarmos dizendo a Deus que Ele não sabe o que faz?! Isso mesmo! Ao invés de dizermos as pessoas que Deus sabe o que faz, por que não temos atitudes assim?! Vamos parar de reclamar!

Pra falar no português claro, o que Deus não gosta é de povo reclamão! Sabe o que Deus fez? Se irou e disse que daria carne até sair pelo nariz! Só para o povo aprender que não se deve reclamar daquilo que Deus dá!

As vezes, julgamos as coisas de Deus como pequenas, como por exemplo uma semente, mas é nas coisas pequenas que Deus ama trabalhar. Nós somos pequenos comparado ao mundo não é?! Pois é, Deus ama trabalhar em nós, desde que não venhamos reclamar, pois Ele sabe o que faz!

Ao invés de reclamar, vamos agradecer! Pois as vezes qualquer coisa é motivo de falarmos ” Ó céus, ó vida, ó azar”…

Luis Felipe.

Sobre o autor

Luis Felipe

Luis Felipe

Luis Felipe é um cristão sério, fortemente ligado ao Ministério Verbo Vivo. Iniciou sua participação neste blog em 2013.

Deixe um comentário