Versículo

Participantes do pecado alheio

“Porque já lhe disse que julgarei a sua casa para sempre, pela iniqüidade que ele bem conhecia, porque seus filhos se fizeram execráveis, e ele os não repreendeu.” (1 Samuel 3:13)

Uma vez eu estava numa roda de amigos ouvindo alguns causos. Eles estavam contando coisas engraçadas e eu, menino ainda, ria com eles, por mais que aquilo que estava sendo falado não fosse correto para um cristão. 

Um outro amigo, já mais experiente na vida com Deus, distante da conversa, me disse que eu estava errado em estar ali. Minha resposta, automática, foi que eu não estava concordando com o que estava sendo falado e que sabia que o assunto tratava-se basicamente de pecados.

Ele, com mais sabedoria, disse que, se eu estava ali, e estava rindo com eles, estava participando do pecado. Estava envolvido com eles no pecado. Aquela correção me fez bem.

Quando vemos algum pecado e não nos posicionamos, estamos sendo participantes daquilo, minimamente por não fazer nada a respeito. Não estou falando que você deve sair repreendendo todas as pessoas e corrigindo tudo o que você entende como pecado. Isso seria errado. Estou apenas dizendo que não devemos ser participantes dos pecados alheios.

No versículo selecionado hoje, Eli não fez nada para impedir que os filhos, que estavam sob os cuidados dele, continuassem pecando. Eli foi participante destes pecados.

Paz.

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário