Dinheiro e Riqueza - Euro

Deus não é um caixa eletrônico

Quando está ensinando as pessoas a orar, Jesus começa falando sobre o que não devemos fazer e, após isso, nos dá um modelo de oração. No meio disso tudo Ele nos ensina algo revelador:

“Não vos assemelheis, pois, a eles; porque Deus, o vosso Pai, sabe o de que tendes necessidade, antes que lho peçais.” (Mateus 6:8)

Boa parte de nossas orações é utilizada para pedir as coisas para Deus, pedir bênçãos, a cura de alguma doença, a solução de algum problema, proteção ou qualquer coisa do tipo. Porém, Jesus nos ensina que Deus já sabe de tudo o que precisamos.

Então, como devem ser nossas orações? Segundo o seu modelo, precisamos: adorar, declarar que queremos Sua vontade, pedir apenas o necessário e o perdão de nossos pecados. Em sua oração modelo, Jesus passou mais tempo adorando do que qualquer outra coisa.

Não estou dizendo que é errado pedir ou que existe uma oração que Deus não ouça. Estou apenas nos lembrando que Ele não é um caixa eletrônico, onde vamos apenas para retirar bênçãos. Devemos adorá-lo, declarar Sua vontade e bendizê-lo.

O exercício que proponho para hoje é que você faça uma oração passando mais tempo agradecendo pelo que já recebeu e adorando do que pedindo.

Paz.

Deixe um comentário