Mensagem

Mantenha acesa a chama

Esses dias, vi na TV uma reportagem sobre a tocha olímpica e não pude deixar de compará-la à vida espiritual do cristão e de referir-me à primeira parte do versículo 20 no capítulo 26 de Provérbios, “[s]em lenha o fogo se apaga”.

A tocha olímpica é um símbolo profano. Ela evoca a lenda grega de Prometeu, que teria roubado o fogo de Zeus para entregá-lo aos mortais; e razão por que se deve manter acesa em todo o tempo. No entanto, principalmente nos jogos da era moderna, sua simbologia está associada ao vigor e energia do fogo e, por conseguinte, ao pulso da vida. A chama não pode se apagar.

O próprio manejo da tocha, durante as Olimpíadas, representa essa idéia: o fogo sai da cidade de Olímpia (onde é aceso meses antes, em cerimônia especial) e é levado ao local de realização dos jogos. Geralmente atletas se revezam no seu transporte, mas já houve o caso da utilização de outros meios, como um barco, na travessia do Canal da Mancha, nos Jogos de 1948, um avião para levá-la a Helsinque, em 1952, e um cavalo, nas provas de Estocolmo, nos Jogos de 1956.

Esse aspecto tem a ver conosco justamente no fato de que o cristão, do mesmo modo, deve manter acesa a chama de Cristo em seu coração, o que, por sua vez, faz intrínseca referência ao versículo de Provérbios: a única maneira de o lograrmos é colocando “lenha” constantemente no fogo da nossa fé.

Isso nem sempre é fácil. Temos a tendência a esfriarmo-nos muito rapidamente diante dos percalços da existência ou dos desafios que requerem um pouco mais da nossa busca. Daí a importância de nos empenharmos na oração, na leitura da Palavra, na prática do jejum. Elas não apenas funcionam como combustível para produzir o fogo, mas como verdadeiros “gravetos” espirituais em sua manutenção. Certamente, mais importante que acender o fogo é manter a chama acesa.

No amor do Pai,

Autor: Ap. Rina
Recebido após cadastro no site da igreja Bola de neve

Escrito ao som de: Oficina G3

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário