Mensagem

Abandonados jamais

Meu Deus! Meu Deus! Porque me abandonaste?” (Salmos 22:1)

Geralmente, quando algo ruim acontece em nossas vidas, a primeira frase que falamos é essa, colocamos a culpa em Deus sobre o nosso abandono, a nossa solidão, mas não é Deus que nos abandona, e sim nós que o afastamos com nossos pecados.

Quando nos entregamos à nossos pecados nós paramos imediatamente de sentir a presença de Deus. Deus é Santo, então quando pecamos nos fazemos totalmente diferentes à Ele e assim não podemos manter comunhão com Ele, e isso faz com que fiquemos distantes. É o nosso pecado que nos deixa distantes de Deus.

Quando era pequeno eu imaginava Deus de um jeito que me esclarecia totalmente esse assunto, eu imaginava Deus tentando, de cima das nuvens, olhar para nós, mas como éramos muito impuros, Ele não conseguia manter os olhos em nós, foi quando decidiu enviar seu Filho ao Mundo, para que servisse como “lente de correção” e assim Deus pudesse finalmente olhar diretamente para nós.

Foi isso que Cristo fez na cruz, Ele conhecia os nossos pecados, e os conhecendo tomou-os sobre seus ombros que eram puros e morreu para que fossem enterrados na morte de uma vez por todas, a partir dali Ele se tornou nossa lente de correção, aquela pela qual o Pai pode nos ver sem enxergar nossas iniqüidades, Jesus tomou sobre si as nossas iniqüidades e para isso teve que sentir o mesmo sentimento que sentimos quando pecamos e ficamos longe de Deus.

Eu tenho que contar uma coisa hoje para você meu irmão, algo que talvez você nunca tenha pensado. Eu já pequei. Por mais que tenha conhecido a Palavra, eu pequei, por mais que tenha tido momentos de intimidade e paixão com nosso Senhor, eu pequei e a Palavra diz que TODOS pecaram. E nem sempre pecamos por querer, muitas vezes queremos fazer o que é certo, mas continuamos no caminho errado, e isso porque essa é a nossa natureza carnal, sermos infiéis, maliciosos, maldizentes, mentirosos e tudo mais.

Mas mesmo nessa condição de totais pecadores, mesmo sabendo que nunca mudaríamos, o Senhor enviou seu Filho para que pudesse morrer por nossos pecados, mesmo sabendo que talvez nunca nos arrependêssemos Ele se deixou humilhar para que pudéssemos de novo ter acesso à Ele. Essa é a graça de Deus, não merecíamos, não tínhamos como pagar por tal sacrifício, mas mesmo assim Ele o fez, por amor de você e de mim.

Hoje eu não venho com palavras diferentes das que você já deve ter ouvido, creio que tudo o que está sendo dito alguma vez já te disseram, mas eu reforço mais uma vez: arrependa-se dos seus pecados, se você os confessar à Cristo, e somente se você os confessar à Ele, Ele é fiel e justo para te perdoar de todos os seus pecados. Entre na presença de Cristo hoje mesmo e peça para que Ele corrija a Sua vida, assim como todos os dias eu peço para que Ele corrija a minha.

Não se iluda pensando que Deus o abandonou, pois Ele não o abandonou, Ele está esperando ansiosamente que você se arrependa para que assim possa te olhar novamente, para que assim possa te dar novamente aquele abraço com aquele amor que só Ele tem. Por isso, invoque o nome do Senhor, porque na Bíblia diz:

Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.” (Romanos 10:13)

Seja daqueles que são salvos por Cristo, ponha a sua confiança em Deus, peça perdão pelos seus pecados, invoque o Seu Nome e você verá que Deus jamais o abandona.

Senhor, faça-nos novas criaturas em Ti, sabemos que somos pecadores, mas sabemos também que Tu és fiel e justo para nos perdoar, se assim confessarmos nossos pecados a Ti, hoje Senhor gostaria de me confessar. Pai, sou um pecador e careço urgentemente da Tua mão protetora em minha vida, vem mudar a minha história ó Pai, faça-me cantar um cântico novo em Tua presença, um cântico de alegria e de louvor à Ti, pois de Ti vem a minha salvação e de Ti o tema de meu louvor. Te amo Senhor! Amém!

Autor: Silas Klein
http://pequenomestre.wordpress.com

Sobre o autor

André

André

Cristão, casado, pai, trabalhador. Leva a sério a palavra de Deus e isto muitas vezes o faz não ser bem visto. Ama escrever, por isso, sempre que pode, o faz.

Deixe um comentário